Sem categoria

Aprenda a fazer uma análise completa da concorrência

03 de agosto de 2017

por Beblue

0

Procurar novas formas de melhorar o atendimento e o produto é uma iniciativa essencial para qualquer empresa crescer. Uma das formas de fazer isso, observando o mercado, é realizar uma análise da concorrência, buscando inovações e processos que estejam dando certo para outras empresas.

Porém, a análise de concorrência vai muito além de conhecer outros produtos. É preciso avaliar tudo: localização da loja, atendimento, serviço prestado e até mesmo as estratégias de divulgação.

Quer saber mais sobre seus competidores e descobrir como superá-los? Confira o passo a passo neste texto!

Tenha uma meta

Saber como as outras empresas do seu setor atuam é ótimo, mas só isso não vai trazer resultados para o seu negócio. Então, antes mesmo de começar a pesquisa, você deve estabelecer um objetivo para ela.

Essa meta pode ser descobrir formas de atendimento que atraiam clientes ou até a elaboração de um novo diferencial para a sua empresa. O importante é que seja um objetivo claro, para que você não se perca no meio das informações.

Investigue o produto ou serviço

O primeiro passo para fazer uma análise da concorrência é conhecer o que ela oferece. Isso significa buscar informações em sites institucionais, materiais de divulgação ou até mesmo visitar o local.

Se você atua na área de alimentação, por exemplo, pode listar os restaurantes e lanchonetes que têm um perfil semelhante ao da sua empresa. Então, sempre que possível, prove o serviço e a comida que seu concorrente oferece. Isso ajuda a esclarecer quais são os principais pontos fortes e fracos daquele negócio, e essa informação será utilizada mais adiante.

Busque opiniões

Uma boa pesquisa de mercado também pode ajudar na diferenciação. Encontre clientes que frequentam e compram de várias empresas do segmento e peça para eles responderem a uma série de perguntas relevantes para a sua meta.

Caso você não saiba exatamente o que perguntar, pode partir de algumas ideias:

  • O que se destaca no atendimento das empresas?

  • Qual produto mais chamou sua atenção e por quê?

  • Quais suas críticas ao atendimento prestado?

Essa forma de se aprofundar no mercado é importantíssima, pois independentemente do que as outras empresas estiverem fazendo, focar no que é importante para o consumidor é uma forma mais eficiente de buscar os resultados para a sua empresa.

Vá além da concorrência óbvia

Um erro bastante comum de administradores em setores com poucos empreendimentos é achar que eles não têm concorrência. Basicamente, se um negócio não tem nenhuma empresa competidora, a pesquisa precisa ser refeita.

Toda empresa que possa “roubar” o dinheiro que um cliente gastaria no seu negócio é um concorrente. Então, se você possui o único restaurante mexicano da sua cidade, isso não significa que você nada em um oceano azul: sua concorrência são os fast-foods, outros restaurantes e até mesmo as refeições em casa.

Procure especialistas

Um bom consultor de negócios pode trazer o insight que faltava para a sua análise de concorrência. Porém, nem sempre a pessoa precisa atuar em consultoria para trazer conhecimentos relevantes sobre as empresas do mesmo setor.

Quer uma dica? Faça amizade com os fornecedores em comum. Essas pessoas costumam ter bastante conhecimento do segmento devido à experiência e podem trazer informações substanciais para ajudar você a trazer mais diferenciais e benefícios ao seu negócio.

Utilize a matriz SWOT

Depois que você conseguir o maior número possível de informações sobre sua concorrência, como preços, localização, qualidade, atendimento, especialização, prazo de entrega, equipe de suporte, entre outros, chega a hora de utilizar esses dados.

Para isso, você pode utilizar a matriz SWOT, que avalia os pontos fortes e fracos, oportunidades e ameaças de um negócio. Crie uma tabela com quatro quadrados, cada um com uma dessas categorias, e vá enquadrando cada uma das características das concorrentes.

Com isso, é possível ter uma visão mais clara dos negócios de um mesmo setor, realizar uma comparação da sua empresa com a concorrência e usar as fraquezas do seu competidor como uma oportunidade para crescer e aumentar o seu faturamento.

Analise as estratégias

Toda empresa bem-sucedida tem uma estratégia de marketing e divulgação. Acompanhar os passos dos seus concorrentes nesse sentido pode ajudar a esclarecer qual é seu público-alvo e até trazer ideias para que você conquiste mais clientes.

Busque esses dados e tente entender como os outros negócios estão tentando atrair seus clientes. Essa atenção aos movimentos estratégicos traz diversos benefícios e pode até ajudar a saber se seu concorrente está em boa condição financeira.

Encontre as oportunidades

Com todos esses dados em mãos, fica muito mais fácil encontrar as lacunas no mercado para se destacar. Um exemplo clássico é observar as ameaças dos concorrentes na matriz SWOT e buscar superá-las, fortalecendo sua empresa.

Também vale a pena cruzar os desejos dos consumidores do setor com o produto ou serviço que é oferecido pelo mercado. Isso pode revelar posicionamentos que tragam diferenciais competitivos, fidelizem clientes, aumentem as vendas e melhorem os resultados da sua empresa.

Tome um posicionamento

Ao ter todas essas informações em mãos, você precisa agir. Só conhecer o mercado não vai trazer resultados significativos para nenhuma empresa. Busque colocar em prática as mudanças e nunca pare de observar a concorrência, pois assim como você, eles estarão sempre se movimentando para crescer e prosperar.

Para se destacar entre seus competidores, algumas medidas podem ajudar:

  • Procure satisfazer as necessidades do cliente, mesmo que as modinhas para o setor caminhem em sentido contrário;

  • Busque estratégias de marketing, tanto local quanto pela internet, que deram certo e aplique no seu negócio;

  • Negocie com fornecedores para ter um preço mais baixo que as demais empresas;

  • Fique de olho nas empresas que abrem e fecham no setor;

  • Identifique seu diferencial, como ele impacta na competitividade e sempre aborde-o para melhorar o posicionamento de mercado.

Com as dicas que apresentamos neste texto, você estará muito mais preparado para entender os movimentos dos seus competidores e quais as oportunidades de crescimento que o mercado atual apresenta para a sua empresa.

Após fazer a análise da concorrência, você saberá quem é o líder do seu mercado e o que você precisa fazer para superá-lo. Com isso, fica muito mais fácil traçar uma estratégia eficiente para fidelizar clientes e aumentar seu faturamento.

Quer saber como o Beblue pode ajudar sua empresa nessa missão? Entre em contato pelo site e descubra os benefícios de oferecer cashback para seus clientes!

Compartilhe

Deixe seu comentário e conte o que achou desse artigo ;)

Quero comentar
Deixe seu comentário